Concurso UFT: Edital publicado para Técnico-Administrativo. 25 vagas!

Ótimas notícias, concurseiros do estado do Tocantins! Saiu o concurso UFT (Universidade Federal do Tocantins) ! Edital oferece vagas de níveis médio e superior para Técnico-Administrativo!

Iniciais de até R$ 4,5 mil!

Saiba como participar!

Resumo do Edital

Vagas: 25
Escolaridade: níveis médio, técnico e superior
Salário: R$ 2.667,19 e R$ 4.556,92
Período de inscrição: de 05/10/2023 à 30/10/2023
Taxa de inscrição: R$ 120,00 e R$ 140,00
Prova: 19/11/2023
Banca: Instituto Verbena
Baixe o edital

Como se inscrever no concurso UFT?

As inscrições para o concurso UFT estarão abertas entre os dias 05 e 30 de outubro de 2023, no site da banca organizadora, Instituto Verbena .

Para efetivar a inscrição o candidato deverá realizar o pagamento de uma taxa de inscrição, conforme o nível de escolaridade do cargo, nos seguintes valores:

  • Nível médio e técnico: R$ 120,00
  • Nível superior: R$ 140,00

 

Ademais, o certame oferece a possibilidade de isenção da taxa para os candidatos a seguir:

  • inscrito(a) no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), de que trata o Decreto Federal nº 11.016, de 29 de março de 2022, e for membro de família de baixa renda, nos termos do Decreto Federal; ou
  • doador(a) de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde, nos termos da Lei Federal nº 13.656, de 30 de abril de 2018

 

Fique atento! A solicitação de isenção deve ser realizada entre os dias 05 e 06 de outubro, no ato da inscrição.

Concurso UFT: cargos, vagas e salários

A Universidade Federal do Tocantins está ofertando 25 vagas para Técnico-Administrativo nas seguintes áreas:

Nível médio/técnico

  • Assistente em administração (14)
  • Técnico de Laboratório/Área: Meio Ambiente (01)
    • Anatomia e Necropsia de Animais (01)
    • Biologia Geral (01)
    • Edificações (02)
  • Técnico de Tecnologia da Informação (02)

 

Nível superior

  • Administrador (01)
  • Analista de Tecnologia da Informação (02)
  • Pedagogo (01)

 

Os vencimentos básicos variam conforme o nível de escolaridade, dessa forma, os cargos de nível médio/técnico fazem jus a um salário de R$ 2.667,19 enquanto os cargos de nível superior terão uma remuneração de R$ 4.556,92.

Além disso, os servidores receberão auxílio alimentação no valor de R$ 658,00.

Vale ressaltar que os cargos do concurso UFT possuem progressão de carreira conforme as qualificações do servidor.

Assim, o salário de nível médio/técnico podem chegar à R$ 8.285,62 e o de nível superior, até R$ 14 mil.

Para saber mais sobre as atribuições de cada cargo, acesse aqui .

Requisitos concurso UFT

O concurso UFT possui as seguintes exigências básicas:

  • Ter sido aprovado(a) e classificado(a) no concurso público, nas formas estabelecidas no Edital;
  • Ser brasileiro(a) nato(a), naturalizado(a) ou ter nacionalidade portuguesa;
    • Os(As) brasileiros(as) naturalizados(as) devem, no ato da posse, prestar informações sobre o processo de naturalização: data de chegada ao Brasil, país de origem, data de publicação da naturalização e se têm ou não filhos(as) brasileiros(as);
    • Os(As) portugueses(as) deverão, no ato da posse, estar amparados(as) pelo estatuto de igualdade entre brasileiros(as) e portugueses(as) nos termos do § 1º, art. 12, da Constituição Federal;
    • Tanto os(as) brasileiros(as) naturalizados(as) quanto os(as) portugueses(as) deverão apresentar documentos que comprovem a regularidade quanto às obrigações militares e eleitorais;
    • Conforme o § 3º do art. 5º da Lei nº 8.112/90, as universidades e instituições de pesquisa científica e tecnológica federais poderão prover seus cargos com professores, técnicos e cientistas estrangeiros, de acordo com as normas e os procedimentos da Lei.
  • Ter, na data da posse, idade mínima de 18 anos completos;
  • Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo, incluindo a comprovação de deficiência declarada e apurada pela perícia médica da UFT;
  • Não acumular cargos, empregos ou funções públicas, exceto aqueles permitidos pela Constituição Federal, ficando assegurada a hipótese de opção dentro do prazo para posse previsto no § 1º, art.13, da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990;
  • Não ter sofrido, no exercício de função pública, penalidade incompatível com a investidura em cargo público, prevista no art. 137, parágrafo único, da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990;
  • Estar quite com as obrigações eleitorais;
  • Estar quite com as obrigações militares, para candidatos do sexo masculino; e
  • Possuir a escolaridade e os requisitos de qualificação exigidos para o cargo, estar em dia com suas obrigações junto ao Conselho de Classe para os cargos que assim o exigirem e demais exigências de habilitação para o exercício do cargo.

 

Ademais, os cargos exigem formação em instituição de ensino reconhecida pelo MEC.

Atenção! Somente o cargo de Assistente em Administração tem como requisito mínimo o ensino médio completo. Já os demais cargos de nível médio, solicitam a especialização técnica.

Concurso UFT: Etapas de Seleção

O concurso da Universidade Federal do Tocantins será realizado em etapa única, sendo ela a prova objetiva.

A prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, será aplicada no dia 19 de novembro de 2023, nos município de Palmas-TO , Gurupi-TO e Arraias-TO.

Os candidatos aos cargos de nível superior, realizarão a prova no período da manhã, enquanto para os candidatos aos cargos de nível médio/técnico a aplicação da prova será realizada no período da tarde, em horários a serem divulgados posteriormente.

A prova será composta por 50 questões de múltipla escolha, divididas da seguinte maneira:

Nível médio/técnico

  • Assistente em Administração e Técnico de Laboratório:
    • Língua Portuguesa (10)
    • Matemática (05)
    • Atualidades e História, Geografia e Conhecimentos Gerais (05)
    • Noções de Informática (05)
    • Legislação (05)
    • Conhecimentos Específicos do Cargo (20)
  • Técnico de Tecnologia da Informação:
    • Língua Portuguesa (10)
    • Matemática (05)
    • Atualidades e História, Geografia e Conhecimentos Gerais (05)
    • Legislação (10)
    • Conhecimentos Específicos do Cargo (20)

 

Nível superior

  • Analista de Tecnologia da Informação:
    • Língua Portuguesa (10)
    • Matemática (10)
    • Atualidades e História, Geografia e Conhecimentos Gerais (10)
    • Legislação (10)
    • Conhecimentos Específicos do Cargo (20)
  • Administrador e Pedagogo:
    • Língua Portuguesa (10)
    • Matemática (10)
    • Atualidades e História, Geografia e Conhecimentos Gerais (05)
    • Noções de Informática (05)
    • Legislação (10)
    • Conhecimentos Específicos do Cargo (20)

 

As provas serão avaliadas em uma escala de 0 à 100 pontos e para ser aprovado o candidato deverá obter nota igual ou superior à 60 pontos.

Sobre a UFT

A Fundação Universidade Federal do Tocantins (UFT) , instituída pela Lei 10.032, de 23 de outubro de 2000, é uma entidade pública vinculada ao Ministério da Educação destinada à promoção do ensino, pesquisa e extensão, dotada de autonomia didático-científica, administrativa e de gestão financeira e patrimonial, em consonância com a legislação vigente.

Sua missão é formar cidadãos comprometidos com o desenvolvimento sustentável da Amazônia Legal por meio da educação inovadora, inclusiva e de qualidade (conforme redação dada pelo Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) 2021-2025).

Sua visão é consolidar-se até 2025, como uma universidade pública, inclusiva, inovadora e de qualidade, no contexto da Amazônia Legal.

São valores da UFT:

  • Respeito à vida e à diversidade;
  • Transparência;
  • Comprometimento com a qualidade e com as comunidades;
  • Inovação;
  • Desenvolvimento sustentável;
  • Equidade e justiça social e;
  • Formação ético-política.

 

Por fim, os desafios e objetivos estratégicos da Instituição, conforme o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI 2021-2025) são:

  • Educação inovadora com excelência acadêmica;
  • Inclusão social;
  • Inovação, transferência de tecnologia e empreendedorismo;
  • Reconhecimento social e;
  • Mecanismos de governança pública.
Acompanhe nossas

redes sociais