Concurso CFC: Banca será definida em breve | Nova Concursos

Concurso CFC: Banca será definida em breve!

icone calendario 03 mar 2021

A Assessoria de Imprensa do Conselho Federal de Contabilidade confirmou que o novo concurso CFC está na fase interna de planejamento, para contratação da empresa que irá organizar o novo certame, com previsão para 2021.

A divulgação de chamamento das empresas interessadas no novo certame foi publicada na última semana, para recolhimento de apresentação de propostas. A abertura das propostas deve acontecer dia 8 de março, segundo a CFC.

Concurso CFC: Vagas e salários

Segundo a assessoria do Conselho, 6 vagas serão oferecidas, distribuídas igualmente aos cargos de Contador (2), Técnico Administrativo (2) e Procurador (2).

Após o último reajuste, que vem sendo realizado anualmente pelo Conselho Federal de Contabilidade para seus empregados público, o salário inicial varia entre os cargos. O último aumento aconteceu em 11 abril de 2019 e foi acima da inflação, de 5% de aumento, entrando em vigor em maio do mesmo ano.

Os valores iniciais variam de R$ 2.085,74, para cargos de nível fundamental (que serão extintos assim que vagarem, segundo informações da CFC), até o salário para Classe 1 de Procurador Jurídico, de R$ 10.242,02.

Funções gratificadas dentro do Conselho ainda pagam um adicional desde R$ 2.356,20 até R$ 12.764,18 aos aprovados.

Último Concurso CFC

Apenas para formação em cadastro reserva, o último concurso Conselho Federal de Contabilidade foi realizado em 2010 e perdeu a validade em 2015, após prorrogação por mais dois anos.

Na época, há 11 anos, as vagas foram oferecidas para os cargos de Advogado, Analista de Sistema, Contador, Auxiliar Administrativo, Assistente Administrativo e Assistente Técnico/Diagramador.

O último certame foi organizado pelo Instituto Zambini e abrangeu áreas para nível médio e três cargos de nível superior. Entretanto, o número de nomeados foi bem alto durante todo o prazo de validade do concurso.

Os candidatos foram avaliados mediante provas objetiva e discursiva, além de conhecimentos básicos em língua portuguesa, legislação específica, noções básicas de informática, além de conhecimentos específicos para cada área.

Para o cargo de Analista de Sistema, entretanto, foram exigidas noções de informática. A prova foi composta por 50 questões de múltipla escolha, com quatro horas de duração.

Para cargos de nível superior, as disciplinas cobradas foram Conhecimentos básicos; Língua portuguesa; Legislação específica; Noções básicas de informática; Conhecimentos específicos.

para cargo de nível médio foram questões de Conhecimentos básicos; Língua portuguesa; Legislação específica; Noções básicas de informática.

As provas objetivas foram aplicadas no dia 16 de janeiro de 2011, à tarde, na capital do país, em Brasília. Foi um total de 50 questões de múltipla escolha, disponibilizando 4 alternativas em cada questão e apenas uma era a correta.

Já a prova discursiva valeu 20 pontos e foi aplicada no mesmo dia da objetiva.

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais