Concurso Correios pode ser autorizado nos próximos dias com 7.700 vagas!

icone calendario 23 nov 2023

Atenção, concurseiros. Como andam a preparação, os estudos para o certame dos Correios ? Novas movimentações indicam que a autorização pode estar próxima.

Após anunciar greve nos estados do Maranhão, São Paulo e Rio de Janeiro, a partir desta quinta-feira, 23, às vésperas da Black Friday, os sindicatos filiados a Findect (Federação Interestudal dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios), desistiram da paralisação.

Isso porque, de acordo com o secretário de Comunicação da Findect, Douglas Melo, um consenso foi estabelecido entre as partes.

Sendo assim, foi acertado pela empresa, o cumprimento imediato de 12 dos 26 pontos do acordo coletivo (ACT 2023/2024), requerido pelos sindicalistas.

Dentre esses pontos, está o comprometimento em agendar uma reunião com o MGI (Minstério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos), com objetivo de alinhar a realização do concurso.

Vale destacar, que após dois anos no Programa Nacional de Desestatização (PND), o Correios foi retirado da lista de privatizações em abril de 2023.

Reunião com o MGI favorece autorização do edital

O primeiro passo para que um edital seja publicado é a autorização por parte do órgão responsável, nesse caso, atualmente é o MGI.

Sendo assim, uma reunião entre o MGI, Sest (Secretaria de Coordenação e Governança de Empresas Estatais) e o presidente dos Correios, com a participação das federações que representam os trabalhadores, foi um dos marcos principais para que uma paralisação não efetivasse.

O presidente dos Correios já está agendando uma reunião com a ministra (do MGI, Esther Dweck) e com representantes da Sest para negociar a autorizar o concurso. Há cerca de 7.700 vagas disponíveis, que já existem e podem ser preeenchidas. Acredito que em até 30 dias essa reunião acontecerá e o concurso será anunciado”, disse José Gandara – presidente do Findect

Concurso Correios pode ter 7 mil vagas?

Sim. Atualmente, o órgão conta com 7.790 cargos vagos, sendo 86.700 funcionários ativos.

Entretanto, o quantitativo de servidores aprovado pela Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais do Ministério (Sest/MGI) é de 97.940.

De acordo com José Gandara, o concurso pode ofertar até mais do que 7.700 vagas.

Esse concurso não será apenas para preencher essas 7 mil vagas. Também será formado um cadastro de reserva. Toda vez que um funcionário sair ou se aposentar, os Correios poderão convocar mais aprovados ao longo do prazo de validade da seleção”, disse Gandara

Confira: O que cai na prova do concursos Correios e como se preparar?

Ainda de acordo com ele, as vagas devem abranger cargos da área operacional e administrativa, como:

  • Agente de Correios – Nível Médio
    • Carteiro;
    • Operador de Triagem e Transbordo;
    • Atendente Comercial e Suporte
  • Analista de Correios – Nível Superior
    • Administrador,
    • Advogado;
    • Analista de sistemas;
    • Arquiteto;
    • Assistente social;
    • Bibliotecário;
    • Contador;
    • Economista;
    • Engenheiro;
    • Estatístico;
    • Museólogo;
    • Pedagogo;
    • Psicólogo;
    • Técnico em Comunicação Social

É possível ainda que a seleção, oferte oportunidade para carreiras específicas:

  • Auxiliar de Enfermagem do Trabalho,
  • Técnico de Segurança do Trabalho;
  • Analista de Saúde;
  • Enfermeiro do Trabalho;
  • Engenheiro de Segurança do Trabalho;
  • Médico do Trabalho

De acordo com a Federação Interestudal dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios, os salários iniciais oferecidos pela instituição variam de R$ 2.179,25, para os cargos de nível médio e R$ 6.333,54, para os cargos de nível superior.

Além do salário, os servidores ainda fazem jus aos seguintes benefícios:

  • Vale-cesta de R$ 295,77
  • Vale-refeição/alimentação
    • R$ 1.039,50 (para quem trabalha cinco dias na semana);
    • R$ 1.228,50 (para quem trabalha seis dias na semana).
  • Vale-transporte;
  • Plano de Saúde

⚠️ Atenção! Os salários e benefícios podem sofrer reajuste no próximo edital!

Acordo entre Correios e Sindicato põem fim a paralisação

Após pressão do sindicato e ameaça de greve, a diretoria dos Correios, atendeu 12 das 26 reivindicações, referente ao ACT 2023/2024.

Dentre os itens atendidos, estão:

  • Antecipação do reajuste salarial de R$ 250,00 incorporado ao salário-base a partir de janeiro/2024,
  • Vale-alimentação extra de R$ 1.500,00 com coparticipação de R$ 7,50;
  • Vale alimentação/refeição de R$ 48,92 a depender de 22 ou 26 dias, para aqueles que cumprem jornada de 5h ou 6h;
  • Vale cesta no valor de R$ 306,21
  • Antecipação de 50% da gratificação natalina
  • Garantia de reajuste na tabela de todas as funções

Clique aqui e saiba na íntegra quais foram os demais intens acordados entre a diretoria dos Correios e a Findect.

No mais, vale destacar que o último certame do órgão, foi realizado em 2011, com a oferta de 9 mil vagas para níveis médio e superior, organizado pela banca Cebraspe.

Saiba mais sobre o Concurso Correios: Comissão formada!

Materiais Relacionados

Notícias relacionadas

Acompanhe nossas

redes sociais