Concurso PC SP: Cresce deficit e edital é urgente | Nova Concursos

Concurso PC SP: Cresce deficit e edital é urgente!

icone calendario 25 mar 2021

Um novo concurso PC SP (Polícia Civil de São Paulo) é visto como urgente pelo órgão, devido ao grande número de deficit de servidores. Nos últimos meses, foram aposentadorias, mortes e desligamentos em geral que contribuíram para o aumento de baixas.

Concurso PC SP: necessidade de novo edital

Em entrevista nesta semana, a delegada Raquel Gallinati, presidente do Sindpesp (Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo), afirmou a necessidade de novos concursos e o ingresso regular de policiais.

“O governo deveria estruturar, de forma periódica, semestral, novos concursos para que esse déficit não aumente cada vez mais. Mas, o que a gente vê é o contrário”, ressaltou.

De acordo com levantamento do Sindpesp, com dados de fevereiro, a Polícia Civil de São Paulo  tem, atualmente, 13.976 cargos vagos, o que afeta diretamente os agentes na ativa, que são responsáveis por suprir toda a demanda de trabalho.

E o problema só aumenta. Isso porque, a cada mês a PC SP registra ainda mais baixa entre os servidores. E, com a falta de novo concurso, o deficit preocupa autoridades e servidores do órgão.

 “Quando a gente fala de déficit que chega a quase 14 mil policiais em uma instituição que deveria ter 42 mil fica muito desgastante. É uma sobrecarga desumana para aqueles que estão na ativa. É inadmissível que o Estado continue com esse descaso em não repor os seus quadros”, afirma a presidente do Sindpesp.

O cargo de Investigador é o que possui maior carência, chegando a 3.341 postos sem preenchimento. O cargo de Escrivão aparece em seguida, com 3.304 cargos em aberto. Faltam ainda 822 Delegados e 301 Médicos Legistas.

E o que anima os concurseiros é que as quatro carreiras constam na autorização do governo de São Paulo , concedido em 2019, para realização de novo certame, para preenchimento de 2.939 vagas, o que não iria suprir tudo o que é esperado, segundo a delegada. 

Não repõe nem os policiais que estão saindo por aposentadoria, morte ou outro motivo. A conta não fecha nunca. Na maioria dos meses, a gente só tem baixa na Polícia Civil porque os concursos não são periódicos, e são muito morosos. Não existe só uma morosidade na abertura dos concursos, como também uma morosidade na nomeação”, afirma.

Sindpesp cobra reposição de policiais

O Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo também está cobrando um novo concurso PC SP. Como previsto em lei, a corporação deveria estar com 41.912 Agentes, entretanto, apenas 27.936 postos de trabalho estão preenchidos.  

Com isso, o Sindpesp ingressou com uma ação civil pública, em março de 2016, afirmando sobre a obrigação do Estado de suprir o déficit de policiais. O pedido está atualmente no STF (Supremo Tribunal Federal)

“Nesse momento, no STF, está sendo discutido a respeito desse tema. Em março de 2017, tivemos parecer do Ministério Público a respeito da nossa causa”, destaca.

A pandemia pode ter atrapalhado os planos para a publicação dos novos editais para a Polícia Civil de São Paulo. Por outro lado, o superintendente de planejamento da Vunesp, Henrique Luiz Monteiro, afirmou que já existes tratativas para que a banca realize o concurso esse ano.

“Existem negociações avançadas para que esse concurso venha a acontecer este ano. Pode sair antes do segundo semestre. A Polícia Civil precisa e tem uma grande necessidade de recompor seus quadros. O governo não está agindo de forma adversa. Está podendo repor os quadros”, afirmou Monteiro.

Isso porque, a presidente do Sindpesp afirmou acreditar que a Vunesp deve ser a organizadora do próximo concurso para a Polícia Civil SP, como aconteceu as seleções anteriores. “É uma banca muito séria, com lisura e transparente. Não tive nenhuma notícia de que a banca será trocada”, disse Raquel.

Concurso PC SP: vagas e salários

Um novo concurso PC SP foi autorizado em 2019, pelo governador do Estado. Poderão ser ofertadas 2.939 vagas na Polícia Civil e Polícia Técnico-Científica, sendo 250 para Delegado, 1.600 para Escrivão, 900 para Investigador e 189 para Médico Legista. 

Essas carreiras possuem exigência de nível superior, com salários iniciais que chegam a R$ 10 mil. Estudos recentes apontaram que os salários da PC SP são um dos piores do país.

“Apesar de figurarmos como o país mais rico da federação, temos os piores salários na Polícia Civil. A gente sofre com essa desvalorização por parte do governo há 25 anos. Não existe um diálogo. A pandemia está sendo usada como uma desculpa para sucatear ainda mais o serviço público e a Polícia Civil”, explicou a delegada.

Os preparativos para o novo certame foram iniciados ainda no ano passado, quando a banca organizadora já estava sendo contratada. As comissões já haviam sido formadas. Entretanto, o edital não andou.

“Continuem estudando. A preparação para o concurso leva tempo. Aproveite para estudar e preparar. Tenha um preparo físico e mental. Saiba que, quando ingressar na Polícia Civil, você vai estar prestando um serviço à sociedade. É mais que um trabalho, você estará assumindo o compromisso com uma missão”, finalizou a delegada.

Saiba mais sobre o Concurso Polícia Civil SP: 2.939 vagas autorizadas!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais