Concurso PM AL: Anunciada a suspensão temporária | Nova Concursos

Concurso PM AL: Anunciada a suspensão temporária do certame, entenda!

icone calendario 16 set 2021

Atenção, candidatos!  O concurso PM AL com 1.060 vagas para os cargos de Soldado e Oficial, está suspenso temporariamente.

A paralisação deve durar até que terminem as investigações. Vale ressaltar que os resultados finais das provas objetivas já foram divulgados na última sexta-feira (10).

Concurso PM AL é suspenso

A suspensão temporária do concurso foi anunciada pelo secretário de Planejamento e Gestão, Fabrício Marques. De acordo com a Seplag e a Polícia Militar, essa é uma medida cautelar para manter a lisura e transparência do concurso público.

O anúncio foi realizado na tarde de quarta-feira, 15, em live realizada pelas redes sociais. Dessa maneira, o comunicado deve sair oficialmente no site do Cebraspe, o organizador.

Veja a seguir a nota emitida pela Seplag:

“Conforme anunciado durante a live do sec @fabriciomarquess_, decidimos por suspender temporariamente o concurso público da Polícia Militar de Alagoas.

A medida é algo que acreditamos ser necessária neste momento. Durante o período de suspensão, prezando pela lisura e transparência de todo o processo, estaremos atentos e acompanhando todo o desdobramento das investigações já iniciadas pela Polícia Civil alagoana.

Confiamos na competência total do órgão para elucidar essa questão e reafirmamos o nosso compromisso de que, caso algo seja constatado, as medidas cabíveis serão tomadas.”

Embora a suspensão seja temporária, não há previsão para que o concurso seja retomado. Quando isso acontecer, a expectativa é que o cronograma seja revisto e as etapas mantidas.

Concurso PM AL: corporação se manifestou

Depois que uma possível fraude ter sido apontada, a Polícia Militar também se manifestou sobre o caso.

Em nota publicada nesta semana, a Polícia Militar se eximiu de qualquer responsabilidade sobre o possível fraude e jogou a situação para a banca organizadora, o Cebraspe.

Segundo a nota, a corporação afirmou que não participa das primeiras fases do concurso, que é de responsabilidade da banca, como as provas escritas, exames físicos e psicotécnicos. Confira a nota:

“O Comandante-geral da Polícia Militar de Alagoas vem a público esclarecer que, diante das informações veiculadas sobre uma possível fraude no concurso público que oferta vagas para soldado e oficial da PMAL, que esta Instituição não participa da fase inicial do certame e que a coordenação, elaboração, execução e correções das provas objetivas, bem como exames físicos e psicotécnicos, ficam a cargo e gestão da empresa organizadora, neste caso a CEBRASPE, e esta Corporação apenas tem participação a partir da fase de entrega da documentação. A PMAL destaca que confia plenamente nas investigações conduzidas pela SSP e Polícia Civil, e espera que os fatos sejam em breve esclarecidos, e resolvidos conforme a legislação em vigor”.

Resultados já foram publicados

Enquanto nada é resolvido sobre o possível fraude, os resultados finais das provas objetivas já foram divulgados na última sexta-feira (10).

resultado provisório da prova discursiva também foi divulgado no mesmo dia. O documento está disponível no site do Cebraspe.

Vale lembrar que o prazo para apresentar recursos contra os resultados segue aberto até a próxima sexta-feira, 17 de setembro.

As provas foram realizadas no dia 15 de agosto para vagas de Soldado e Oficial, com questões de Conhecimentos Básicos e Específicos.

Saiba mais sobre o Concurso PM AL: Edital é suspenso temporariamente!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais