Polícia Penal MG: Como foi último concurso? | Nova Concursos

Polícia Penal MG: Como foi o último concurso?

icone calendario 15 jun 2021

Novo concurso Polícia Penal MG pode estar para ser lançado. Saiba como foi o último concurso e comece a se preparar para o certame!

Serão ofertadas 2,4 mil vagas de nível médio para o cargo de Policial Penal, ou o antigo Agente Penitenciário, que tem remuneração aproximada de R$ 4 mil.

A escolha da banca do concurso Polícia Penal de Minas Gerais está marcada para acontecer dia 8 de junho.

Após a confirmação da banca que organizará o certame, o edital deve ser finalizado em até 20 dias. Ou seja, quem deseja ingressar na corporação, já pode começar a estudar para os exames!

Uma das melhores formas para estudar e se preparar para um concurso público, é tendo informações sobre os concursos anteriores, sobre a estrutura, os tipos de provas e sobre os conteúdos cobrados.

Por isso, veja como foi o concurso de 2018 logo abaixo.

Como foi o último concurso Polícia Penal MG?

O concurso de 2018 ofertou 4 mil vagas temporárias e teve como organizador, o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

O último concurso para efetivos ocorreu em 2013, também sob a responsabilidade do IBFC. Neste concurso, os candidatos foram submetidos a Teste de Aptidão Física, Exames Médicos e uma Redação, avaliações que não ocorreram em 2018.

Em 2018, os inscritos passaram por quatro etapas de avaliação:

  • Prova Objetiva e também Análise de Títulos;
  • Avaliação Psicológica;
  • Comprovação de Idoneidade;
  • Curso Introdutório.

As provas Objetivas, tanto de 2018, quanto de 2013, foram compostas de 50 questões. No entanto, o conteúdo variou de um certame para o outro.

A dica para os estudos do certame que está por vir, é se embasar no último edital dos efetivos, de 2013. Os conteúdos daquele ano foram:

  • Língua Portuguesa;
  • Raciocínio Lógico Quantitativo;
  • Conhecimentos Gerais – incluiu conhecimentos sobre a Constituição, o Código Penal, o Regulamento Disciplinar Prisional da Secretaria de Estado de Defesa Social do Estado de Minas Gerais (REDIPRI) e as Leis de Execução Penal.

A prova escrita de 2013 consistiu em um texto dissertativo de 20 a 30 linhas com um tema que foi proposto no momento da avaliação.

Em 2018, os conteúdos foram:

  • Língua Portuguesa;
  • Direitos Humanos;
  • Código de Ética e Estatuto do Servidor Público do Estado de Minas Gerais;
  • Conhecimentos Específicos.

Vale ressaltar questões de Direitos Humanos têm aparecido com bastante frequência em concursos da área de Segurança.

No Teste de Aptidão Física, os candidatos passaram por provas de força e de resistência aeróbica.

Os exercícios que os concorrentes precisaram cumprir foram:

  • Força Muscular nos Braços: exercício de Barra para homens (mínimo de três repetições) e Flexão de braços para mulheres (mínimo de dez repetições);
  • Força Muscular no Abdômen: mínimo de 30 repetições dentro de 1 minuto para homens e mínimo de 25 para mulheres, no mesmo intervalo de tempo;
  • Resistência Aeróbica: mínimo de 1.800 metros para homens e mínimo de 1.600 metros para mulheres, em um intervalo de 12 minutos.

Os candidatos aprovados nas provas objetivas, escritas (no caso de 2013) e nas físicas, poderiam ser encaminhados ao Curso de Formação.

Os alunos do Curso preparatório recebem um salário para estudar, mas geralmente são menores que o vencimento de policiais formados.

Regularização da Polícia Penal

Após 2018, quando ocorreu o último concurso da Polícia Penal de Minas Gerais, o Sistema Prisional Brasileiro passou por algumas mudanças.

A corporação da Polícia penal foi incluída no Código Penal como parte da Segurança Pública do Brasil. Ou seja, agora a PP se equipar à Polícia Federal e à Polícia Rodoviária Federal.

Com isso, algumas alterações foram feitas também com relação aos concursos públicos.

Na época dos últimos concursos, os candidato ainda concorriam ao cargo de Agente Penitenciário, mas após a regularização da Polícia Penal, o cargo passou a ser chamado de Policial Penal.

Outra mudança desde 2018, foi que, com a criação da Academia da Polícia Penal (APP), o treinamento dos candidatos aprovados passou a ser responsabilidade do Estado de Minas Gerais e não mais da banca organizadora.

Confira no vídeo abaixo mais detalhes sobre o último concurso:

Saiba mais sobre o Concurso Polícia Penal MG (Agepen MG): Edital publicado com 2.420 vagas!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais