• Página Inicial
  • Concursos Ambientais: Jardim Botânico, Ibama e ICMBio são oficialmente autorizados!

Concursos Ambientais: Jardim Botânico, Ibama e ICMBio são oficialmente autorizados!

icone calendario 04 jul 2024

Os Concursos Ambientais para o Jardim Botânico, Ibama e ICMBio foram oficialmente autorizados nesta quarta-feira, 3 de julho e deverão ter editais publicados em até seis meses, ou seja, devem ser divulgados até janeiro de 2025.

A ministra Marina Silva já havia antecipado o aval para novos concursos na área ambiental, incluindo o ICMBio, Jardim Botânico e Ibama. O Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro já conta com a comissão organizadora formada.

Ficou interessado(a)? Fique e confira os demais detalhes sobre os Concursos Ambientais, Jardim Botânico, Ibama e ICMBio, oficialmente autorizados!

Quais serão os cargos ofertados no concurso Jardim Botânico?

O concurso Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro visa preencher 20 vagas em cargos efetivos, com remunerações iniciais que podem chegar a R$12,6 mil mensais, além de benefícios.

O novo concurso Jardim Botânico RJ oferecerá oportunidades nas seguintes funções:

  • 11 vagas para Analista em Ciência e Tecnologia;
  • 5 vagas para Pesquisador; e
  • 4 vagas para Tecnologista.

Todos os cargos exigem nível superior de escolaridade, podendo os candidatos possuir formação em qualquer área ou em áreas específicas, conforme o cargo pretendido.

Estude para concursos ambientais com os melhores materiais clicando aqui  .

Os Analistas e Tecnologistas terão ganhos iniciais de R$7.025,48, enquanto os Pesquisadores receberão um salário de R$12.634,13. Além disso, todos os servidores terão direito ao auxílio-alimentação de R$1.000, valor recentemente ajustado pelo governo.

Clique aqui e confira o documento de autorização do concurso Jardim Botânico em Concursos Ambientais na íntegra.

Comissão formada

O Diário Oficial da União de hoje, 4 de julho, anunciou a publicação da portaria que estabelece a formação da comissão responsável pelo próximo concurso público do Jardim Botânico do Rio de Janeiro.

A comissão será encarregada de garantir a conformidade legal de todos os procedimentos relacionados ao planejamento e execução do concurso, assegurando transparência e rigor no processo seletivo.

A comissão é formada pelos seguintes membros:

  • Paulo Victor de Sousa Almeida – Presidente da Comissão;
  • Aline Mirilli Mac Cord;
  • Claudia Franca Barros;
  • Claudine Massi Mynssen;
  • Gabriella Di Felicio Ferreira da Silva;
  • Leonardo Tavares Salgado;
  • Luis Alexandre Estevão da Silva;
  • Marcus Nadruz Coelho; e
  • Marinez Ferreira de Siqueira.

A próxima etapa incluirá a definição da banca organizadora para que por fim o edital seja finalmente publicado.

Quais serão os cargos e a quantidade de vagas que serão ofertadas no concurso Ibama?

Foi divulgado uma edição extra do Diário Oficial da União autorizando um novo concurso público para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA). Segundo o documento, serão oferecidas 260 vagas para o cargo de Analista, sendo 130 vagas para Analista Administrativo e 130 vagas para Analista Ambiental.

Confira o documento de autorização do Ibama em Concursos Ambientais na íntegra clicando aqui.

Para concorrer às vagas, os candidatos devem possuir nível superior completo nas áreas pertinentes às respectivas especialidades. A remuneração inicial para ambos os cargos é de R$ 9.735,72, com a inclusão de auxílio-alimentação de R$ 1.000, totalizando R$ 10.735,72.

Seja aprovado em concursos ambientais estudando com nossos materiais clicando aqui .

O próximo passo será a formação da comissão responsável pelos estudos preliminares do concurso, além da definição e contratação da banca organizadora.

Vale ressaltar que em maio deste ano, o IBAMA havia encaminhado ao Governo Federal uma solicitação para um concurso público visando o preenchimento de 2.201 vagas de nível superior.

Estude para o concurso dos seus sonhos com o Método que já ajudou na aprovação de mais de 70 mil alunos! Clique aqui  e saiba mais!

Quantas vagas serão ofertadas no concurso ICMBio?

Foi oficialmente autorizada a realização do concurso ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade), destinado ao preenchimento de 180 vagas efetivas para os cargos de Analista.

A autorização foi publicada no Diário Oficial da União, confirmando que as oportunidades serão distribuídas entre 120 vagas para Analista Administrativo e 60 vagas para Analista Ambiental. Ambos os cargos exigem nível superior de escolaridade.

Os salários iniciais são atrativos, com remuneração de R$10.735,72, que inclui gratificações e um novo auxílio-alimentação de R$1.000.

Seja aprovado em concursos ambientais estudando com os melhores materiais do país! Clique aqui e confira .

Confira o documento de autorização do ICMBio em Concursos Ambientais na íntegra clicando aqui .

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade havia solicitado 1.105 vagas, sendo 534 para analista ambiental e 571 para analista administrativo. Dessa forma, a necessidade do ICMBio é maior do que as 180 vagas autorizadas, o que pode levar ao uso do cadastro de reserva ao longo da validade do concurso.

Vale destacar que as portarias estabelecem que o edital do concurso deverá ser publicado em até seis meses, com um prazo reduzido de dois meses entre a publicação do edital e a realização das primeiras provas. Isso significa que, se o edital for publicado até janeiro, as provas ocorrerão até o primeiro trimestre de 2025.

Haverá mais autorizações para Concursos Ambientais?

A ministra da Gestão e Inovação, Esther Dweck, deve anunciar novas vagas em concursos ambientais e federais ainda esta semana . A informação foi confirmada pela pasta em resposta a um seguidor nas redes sociais, indicando que o anúncio das novas autorizações está previsto para os próximos dias.

Em contato com o Ministério da Gestão e Inovação (MGI), a confirmação foi reforçada. No entanto, ainda não há uma data definida para o anúncio devido a um entrave na agenda da ministra Esther Dweck, que deve ser resolvido em breve.

No último sábado, 29 de junho, a ministra Esther Dweck mencionou a realização de um novo CNU em entrevista à CNN. Ela destacou que as novas vagas autorizadas podem ser incluídas em um próximo edital unificado , dependendo da adesão dos órgãos federais. Caso os ministérios e áreas contempladas não desejem aderir ao novo CNU, a proposta do governo é realizá-lo a cada dois anos.

Portanto, se você se interessa em ingressar na carreira pública prepare-se para encarar as provas dos concursos ambientais com os melhores materiais clicando aqui  .

Todos os órgãos federais tiveram até o dia 31 de maio para encaminhar seus respectivos pedidos de concursos. Agora, a expectativa é pela autorização dos editais por parte do MGI, trazendo novas oportunidades para candidatos em todo o país.

Tem interesse na carreira pública? Confira os concursos abertos no país!

Fiquem ligados na nossa página para as próximas notícias sobre Concursos Ambientais!

Materiais Relacionados

Notícias relacionadas

Acompanhe nossas

redes sociais