O que cai na prova do concurso PC-SP? | Nova Concursos

O que cai na prova do concurso PC-SP Agente Policial e Auxiliar de Papiloscopista?

icone calendario 03 mar 2021

Olá concurseiro! Em 2018 foram divulgados os documentos oficializando os concurso PC SP Agente Policial e Auxiliar de Papiloscopista (Polícia Civil da São Paulo)! Você sabe o que cai na prova concurso PC-SP? Confira neste artigo!

Lembrando que foram ofertadas 600 novas oportunidades, sendo 400 para o cargo de Agente Policial e outras 200 para Auxiliar de Papiloscopista.

Os cargos tinham como exigência o nível médio e os salários iniciais eram de R$ 2.905,34, sem contar o adicional de insalubridade de R$ 691,64.

O concurso PC SP Agente Policial e Auxiliar de Papiloscopista teve as inscrições realizadas até o dia 8 de junho de 2018.

Os interessados deveriam acessar o site da Vunesp para realizar o cadastro. Para homologação da inscrição, era necessário o pagamento do boleto, na época, no valor de R$ 56,54.

Quem pode fazer o concurso PC-SP?

Os requisitos para quem deseja se candidatar à vaga são:

– ter no mínimo 18 anos;
– ensino médio completo;
– carteira de habilitação categoria ‘B’ para o cargo de Auxiliar de Papiloscopista;
– carteira de habilitação categoria ‘D’ para o cargo de Agente Policial.

Confira o que cai na prova e como é cobrado:

As avaliações foram compostas por duas etapas: a prova objetiva e a comprovação de idoneidade.

A prova objetiva foi realizada nas cidades de Araçatuba, Bauru, Campinas, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo (Capital e Grande São Paulo ) e Sorocaba.

Agente Policial

A prova objetiva foi composta de 80 questões com cinco alternativas cada uma, com apenas uma alternativa correta.

A distribuição foi a seguinte:

Módulo I: 40 questões

– Língua Portuguesa: 20 questões;
– Noções de Direito: 10 questões;
– Noções de Criminologia: 10 questões.

Módulo II: 40 questões

– Noções de Informática: 20 questões;
– Noções de Lógica: 10 questões;
– Atualidades: 10 questões.

Os candidatos que não conseguiram o mínimo de 50% de acertos em qualquer um dos módulos foram automaticamente desclassificados.

Para a etapa de comprovação de idoneidade foram chamados os 600 melhores colocados.

Para melhor estudar e avaliar seus pontos fortes e os que precisam ser lapidados, é interessante utilizar organogramas de estudo. Este, por exemplo, levou em consideração a quantidade de questões de cada matéria frente o total de questões.

O cronograma acima é apenas um exemplo de um mapa de estudos que uma pessoa que trabalha durante o dia pode criar, levando em conta suas particularidades com as matérias exigidas.

Auxiliar de Papiloscopista

A prova segue o mesmo modelo do teste para o cargo de Agente Policial, porém o conteúdo programático é diferente:

Módulo I: 40 questões

– Língua Portuguesa: 25 questões;
– Noções de Direito: 5 questões;
– Noções de Criminologia: 5 questões;
– Noções de Medicina e Odontologia Legal: 5 questões;

Módulo II: 40 questões

– Noções de Informática: 10 questões;
– Noções de Lógica: 5 questões;
– Noções de Identificação: 10 questões;
– Conhecimentos Gerais: 10 questões;
– Atualidades: 5 questões.

Novamente, é necessário alcançar pelo menos 50% de acertos em cada módulo para não ser eliminado.

Para o cargo de Auxiliar de Papiloscopista, foram chamados os 400 melhores classificados para a etapa de comprovação de idoneidade.

Mudando a linha de conteúdos, o cronograma de quem vai prestar o concurso visando o cargo de Papiloscopista não foge muito a regra: avaliamos a quantidade de questões de cada frente pela quantidade total de questões:

edital-pc-sp-organograma-aux-pap

No sábado, utilizamos para fazer revisões e exercícios sobre os temas estudados.

Para qualquer exemplo de cronograma, é importante seguir o tempo de intervalo e descanso. Um corpo descansado ajuda muito na sua preparação para o concurso.

Comprovação de Idoneidade

A etapa de comprovação de idoneidade é comum a ambos os cargos da Polícia Civil SP .

Ela tem por objetivo avaliar condutas inadequadas e reprováveis dos candidatos, em diversos âmbitos de sua vida.

investigação social levará em consideração:

– Antecedentes profissionais;
– Desvio de personalidade;
– Relações sociais incompatíveis;
– Inadimplemento de obrigações contratuais;
– Práticas de jogos de azar;
– Uso abusivo de bebida alcoólica e/ou utilização de drogas ilícitas.

pesquisa em banco de dados abrangerá:

– Antecedentes criminais;
– Envolvimento em ocorrências de natureza policial;
– Participação societária;
– Pontuação negativa como condutor de veículo automotor;
– Redes sociais.

O certame terá duração de dois anos a partir da data de homologação final, podendo ser prorrogado uma vez por igual período.

Saiba mais sobre o Concurso Polícia Civil SP: 2.939 vagas autorizadas!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais