Concurso Senado tem mais de 1.400 cargos vagos | Nova Concursos

Concurso Senado tem mais de 1.400 cargos vagos!

icone calendario 09 abr 2021

Cresce a precisão de um novo concurso Senado Federal . Isso porque já são 1.476 cargos vagos no órgão, entre os níveis médio e superior, segundo informações do Portal de Transferência, em consulta realizada neste dia 7 de abril.

Concurso Senado: cargos vagos

Segundo os dados do Portal de Transferência do órgão, faltam, atualmente, 181 Policiais Legislativos, 06 Advogados e 588 para Analista Legislativo.

Os números são referentes a aposentadorias de servidores, mortes, exonerações e outros desligamentos que não foram repostos por aprovados em concursos Senado Federal.

O cargo de Analista legislativo tem vagas em aberto, que são distribuídas entre diversas especialidades, como por exemplo 231 vacâncias na área de Processo Legislativo.

Vagas e salários para o próximo concurso Senado

As três carreiras citadas acima terão vagas disponibilizadas no novo concurso Senado Federal. O aval foi concedido ainda em 2019, pelo então presidente do Senado, senador Davi Alcolumbre (DEM AP).

Serão 40 vagas imediatas, sendo 24 para Técnico Legislativo, a nível médio, com salários de R$ 20.410,07; 04 chances para Advogado, a nível superior em Direito, com salários de R$ 34.443,96; e 12 vagas para Analista Legislativo, a nível superior em ramos específicos, com salários de R$ 26.880,04.

Os valores das remunerações já contam com o auxílio-alimentação de R$982,28.

Entre as vagas para o cargo de Analista Legislativo estão: Administração (02), Arquivologia (01), Assistência Social (01), Contabilidade (01), Enfermagem (01); Informática Legislativa (01), Processo Legislativo (02), Registro e Redação Parlamentar (01), Engenharia do Trabalho (01), Engenharia Eletrônica e Telecomunicações (01).

Assim, as vagas do novo concurso estão mantidas no Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) para 2021, que foi aprovado pelo Congresso. Entretanto, o texto ainda depende de sanção pelo presidente Jair Bolsonaro, que, caso ocorra, o edital poderá ser publicado.

Concurso Senado: etapas

De acordo com o Senado Federal, os candidatos serão submetidos à várias etapas de seleção. Além disso, haverá perícia médica e procedimento de heteroidentificação para inscritos com deficiência e concorrentes autodeclarados negros, respectivamente. As etapas são:

  • Policial legislativo: prova objetiva; prova discursiva; exame de sanidade física e mental; teste de aptidão física; exame psicotécnico; sindicância de vida pregressa e investigação social; prova de títulos.
  • Analista legislativo: prova objetiva; prova discursiva; prova prática (para especialidade de registro e redação parlamentar); prova de títulos.
  • Advogado: prova objetiva; prova discursiva; prova oral; prova de títulos.

Concurso Senado espera determinações da nova presidência

A realização do novo concurso para Senado Federal depende ainda de determinações da nova presidência e Comissão Diretora da Casa, mas não há decisões a respeito do ingresso de servidores efetivos este ano.

“Não há novidades a respeito do certame. Não foram tomadas novas determinações e não há previsão para isso”, informou o setor, em nota.

Em fevereiro, o senador Rodrigo Pacheco (DEM MG) ganhou as eleições para presidência do Senado e será o responsável por deliberar sobre a retomada dos preparativos do concurso ou pelo cancelamento da seleção.

Saiba mais sobre o Concurso Senado Federal: Autorizadas 40 vagas para médio e superior!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais