Concurso Ministério da Economia: Comissão definida | Nova Concursos

Concurso Ministério da Economia: Comissão para 300 vagas definida!

icone calendario 29 set 2021

Novidades para os concurseiros! O concurso Ministério da Economia , que foi autorizado há cerca de um mês, já conta com comissão organizadora definida.

O novo concurso público do Ministério da Economia teve sua autorização publicada no dia 27 de agosto. Com isso, a comissão organizadora do certame já foi formada, e possui 90 dias para realizar os procedimentos do certame.

Além disso, o processo para a escolha da banca organizadora também já teve início, e conta com uma grande quantidade de instituições na disputa pelo cargo. Conheça mais detalhes a seguir!

Concurso Ministério da Economia: comissão organizadora

Nesta quarta-feira, 29 de setembro, foi divulgada no Diário Oficial da União a formação da comissão organizadora do novo processo seletivo. Confira quem são os membros, de acordo com o documento oficial:

  • I – Representante do Departamento de Centralização de Inativos, Pensionistas e Órgãos Extintos – DECIPEX, da Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal, da Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia:
    • Claudiana Maria Coelho Andrade da Costa – Assistente Técnico – matrícula 1528780 – titular; e
    • Daniela Nunes de Menezes – Escriturário – matrícula 1248095 – suplente;
  • II – Representante da Coordenação-Geral de Desenvolvimento e Movimentação de Pessoal da Diretoria de Gestão de Pessoas da Secretaria de Gestão Corporativa da Secretaria Executiva do Ministério da Economia (CGDEP/DGP/SGC):
    • Rodrigo de Oliveira Alves – Coordenador-Geral de Desenvolvimento e Movimentação de Pessoal – matrícula 1808731 – titular; e
    • Daniel Pires de Castro – Coordenador de Provimento e Dimensionamento de Pessoas – matrícula 1750497 – suplente; e
  • III – Representante da Coordenação-Geral de Legislação de Pessoal da Diretoria de Gestão de Pessoas da Secretaria de Gestão Corporativa da Secretaria Executiva do Ministério da Economia (CGLEJ/DGP/SGC):
    • Daniela Viterbo Oliveira – Coordenadora de Uniformização de Normas, Direitos e Deveres de Pessoal – matrícula 2129759 – titular; e
    • Iris Francisca Alves de Sousa – Chefe da Divisão de Normas, Direitos e Deveres de Pessoal – matrícula 1161699 – suplente;

Processo de escolha da banca já foi iniciado

Além da formação da comissão organizadora, o órgão também já deu início ao processo de escolha da banca para a seleção. Entre as instituições cotadas estão:

  • Fundação Carlos Chagas
  • Cebraspe
  • Fundação Getúlio Vargas
  • Instituto AOCP
  • Idecan
  • IBFC
  • Cesgranrio
  • Iades
  • Fundação Vunesp
  • UFMT
  • Idib

Ademais, de acordo com as informações anunciadas pelo órgão, o que se prevê é que no dia 13 de outubro já seja anunciada a banca escolhida para cuidar da organização do processo.

Concurso Ministério da Economia: vagas, cargos e salários

O novo concurso do Ministério da Economia oferece 300 oportunidades de níveis médio e superior para os cargos de Analista e Técnico.

Além disso, 115 das vagas serão destinadas a carreira de Técnico em Atividades Previdenciárias e de Apoio – Atividades Técnicas, que possui como requisito apenas o ensino médio completo.

As 185 vagas restantes serão para nível superior, sendo 145 para Analista Técnico de Demandas Previdenciárias, Judiciais e de Controle – Atividades Técnicas de Suporte e 40 vagas para Analista de Negócios – Atividade Técnica de Complexidade Intelectual.

Ademais, tais contratações serão para atuar na execução de atividades relativas à centralização dos serviços de inativos e pensionistas dos órgãos da administração pública federal direta, autárquica e fundacional.

Além dos processos de compensação previdenciária entre regimes de previdência e atividades de natureza administrativa, no âmbito do Departamento de Centralização de Inativos, Pensionistas e Órgãos Extintos – DECIPEX do Ministério da Economia.

Os salários a serem recebidos ainda não foram confirmados, no entanto, segundo o que consta na lei que regulamenta tais cargos, os ganhos para Técnico seriam de R$1.700, para Analista Técnico de R$3.800 e para Analista de Negócios, R$6.130.

Saiba mais sobre o Concurso Ministério da Economia: Prazo de inscrições prorrogado!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais