Compartilhar:

Carreira Bancária

A Carreira Bancária é o alvo de muitos concurseiros! Além da já habitual segurança possibilitada, essa área oferece salários altos a cargos de diferentes níveis de escolaridade e chamada de convocados além do número inicial de vagas.

Nenhum concurso encontrado.

A Carreira Bancária é o alvo de muitos concurseiros! Além da já habitual segurança possibilitada, essa área oferece salários altos a cargos de diferentes níveis de escolaridade e chamada de convocados além do número inicial de vagas.

Conheça Mais Sobre as Carreiras Bancárias

As Carreiras Bancárias oferecem também diversos benefícios e vantagens, como vale alimentação e vale alimentação, Participação nos Lucros e Resultados (PLR), jornada de trabalho de 6 horas por dia, dentre outros.

Essas vantagens, no entanto, não dizem respeito apenas aos grandes bancos federais, como Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil; os bancos regionais, por exemplo, oferecem oportunidades tão boas quanto os principais bancos do país, com uma relação de candidato/vaga consideravelmente menor.

Por exemplo: o concurso da Caixa para Técnico Bancário realizado em 2014 contou com 1.156.744 concorrentes. Já em 2018, o certame do Banestes (Banco do Estado do Espírito Santo) para o mesmo cargo, contou com 50.650 inscritos.

Diferenças nas Carreiras dos Principais Bancos

São dois os cargos mais famosos das carreiras bancárias: o de Escriturário e de Técnico Bancário. Os dois cargos têm o requisito de nível médio, alterando poucas atividades em suas atribuições.

Carreira na Caixa

O último concurso da Caixa aconteceu no ano de 2014, com oportunidades para o cadastro reserva do cargo de Técnico Bancário. A organização do concurso ficou por conta do Cebraspe (Cespe/UnB).

O que faz um Técnico Bancário da Caixa Econômica Federal?

O cargo de Técnico Bancário tem como atribuições: Atividade administrativa destinada a prestar atendimento aos clientes e ao público em geral, efetuando operações diversas, executando atividades bancárias e administrativas, incluindo a comercialização de produtos e serviços; Efetivação de cálculos e controles numéricos; Inserção e consulta de dados em sistemas operacionais informatizados e auxílio em sua manutenção e em seu aperfeiçoamento, bem como realização de operações de caixa, quando habilitado, de forma a contribuir para a realização de negócios, possibilitando o alcance das metas, o bom desempenho da Unidade e a satisfação dos clientes internos e externos.

O salário de um Técnico Bancário tem o valor de R$ 2.025,00 na época, além dos seguintes benefícios: Possibilidade de ascensão e desenvolvimento profissional; Participação nos lucros e nos resultados; Possibilidade de participação em plano de saúde e em plano de previdência complementar; Auxílio refeição/alimentação; Auxílio cesta/alimentação; Possibilidade de participação em programa de elevação da escolaridade e desenvolvimento; Programas de preservação da saúde, qualidade de vida e prevenção de acidentes; Contrato de trabalho regido pela CLT.

Carreira no Banco do Brasil

O último concurso do Banco do Brasil aconteceu no ano de 2018, com a oferta de 30 vagas para o cargo de Escriturário. A organização do concurso ficou por conta da Fundação Cesgranrio.

O que faz um Escriturário do Banco do Brasil?

O cargo de Escriturário tem como atribuições: Comercialização de produtos e serviços do Banco do Brasil S.A.; Atendimento ao público, atuação no caixa (se necessário), contatos com clientes, prestação de informações aos clientes e usuários; redação de correspondências em geral; Conferência de relatórios e documentos; Controles estatísticos; Atualização/manutenção de dados em sistemas operacionais informatizados; Execução de outras tarefas inerentes ao conteúdo ocupacional do cargo, compatíveis com as peculiaridades do Banco do Brasil.

O salário de um Escriturário tem o valor de R$ 2.718,73, além dos seguintes benefícios: Vale Refeição, Cesta Alimentação, Vale Cultura, Auxílio Creche, Assistência Saúde, Previdência Privada e Participação nos Lucros.

Carreira no Banco Central

Um novo concurso do Banco Central pode ser divulgado em breve. É que existe um documento entregue ao governo, com pedido de 260 vagas, sendo 200 para Analista, 30 para Técnico e 30 para Procurador do Banco Central.

O BACEN conta com mais de 40% (2.768 vagos de 6.470 cargos) dos seus cargos vagos, sendo um déficit de 2.248 no cargo de Analista, 300 para Procurador, e 861 para Técnico.

O que faz um Técnico do Banco Central?

Dentre as atribuições do cargo de Técnico do Banco Central estão: Desenvolvimento de atividades técnicas e administrativas complementares às atribuições dos Analistas e Procuradores do BACEN; Apoio técnico-administrativo aos Analistas e Procuradores do BACEN no que se refere ao desenvolvimento de suas atividades; Execução de atividades de suporte e apoio técnico necessárias ao cumprimento das competências do BACEN que, por envolverem sigilo e segurança do Sistema Financeiro, não possam ser terceirizadas; Supervisão da execução de atividades de suporte e apoio técnico terceirizadas; Realização de atividades técnicas e administrativas complementares às operações relacionadas com o meio circulante.

O salário inicial de um Técnico do Banco Central é de R$ 6.851,13, com potenciais vencimentos de R$ 11.771,99 no topo de carreira.

Carreira em bancos estaduais

Talvez você não saiba, mas há várias ótimas oportunidades fora dos grandes bancos federais. Concorrência menor e salários igualmente benéficos estão entre as vantagens.

Confira os principais bancos regionais:

  • Banrisul (Banco do Estado do Rio Grande do Sul);
  • Banpará (Banco do Estado do Pará);
  • Banestes (Banco do Estado do Espírito Santo);
  • Banese (Banco do Estado do Sergipe);
  • BDMG (Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais);
  • Bandes (Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo);
  • BRB (Banco Regional de Brasília).

Carreira no Banco Regional de Brasília

O BRB teve edital publicado neste ano de 2019. A oferta foi de 100 vagas para o cargo de Escriturário, que conta com requisito de nível médio.

Ainda assim, o órgão sofre com o déficit de servidores, com pedidos para um novo concurso abranger mais vagas.

O que faz um Escriturário do BRB?

O Escriturário do Banco Regional de Brasília tem dentre suas atribuições: executar as atividades administrativas e bancárias; atuar em salas de autoatendimento orientando, vendendo e divulgando produtos e serviços do banco; efetuar operações diversas, sob orientação superior, visando contribuir para a plena execução dos trabalhos da área e para o adequado atendimento à clientela.

O salário ofertado era de R$ 3.204,26 em jornadas de 30 horas semanais. Como benefícios, eram citados: participação nos lucros e nos resultados; possibilidade de participação em Plano de Saúde e em Plano de Previdência Complementar; auxílio refeição/alimentação; auxílio cesta/alimentação.

Conteúdos cobrados

Os concursos da área bancária tendem a seguir um conteúdo programático similar entre si, o que torna outra vantagem. Estudando para um certame, você pode abranger outros, tanto para testar seus conhecimentos ou como potencial concurso para tomar posse. O conhecimento básico abrange os mesmos temas, com um ou outro conteúdo específico como diferencial.

Como conteúdo básico, geralmente são cobrados: Português, Inglês, Matemática Financeira, Raciocínio Lógico e Matemático, Informática, Atualidades. Como conteúdo específico, têm-se as disciplinas de: Conhecimentos Bancários, Atendimento, Técnica de Vendas e Ética, Legislação Específica.

A área de maior peso é o de Conhecimentos Bancários, que normalmente tem mais questões e maior nota atribuída entre elas. O edital do concurso BRB (Banco Regional de Brasília), por exemplo, foi publicado em 2019 e trouxe 50% do número de questões sobre conteúdos específicos, sendo composto de: Conhecimentos Bancários; Os Bancos na Era Digital; Qualidade No Atendimento E Diversidade; Defesa Do Consumidor; Confidencialidade E Segurança Da Informação; Probabilidade E Estatística

Ganhe 5% de desconto na primeira compra!

Acompanhe nossas

redes sociais