Concurso Banco do Brasil: Presidente descarta privatização e deseja edital ainda em 2020!

Redator da Nova Concursos

icone calendario 22 set 2020

O novo presidente do órgão, André Brandão, descartou a privatização em sua gestão e deseja divulgar o edital do concurso Banco do Brasil ainda em 2020.

Presidente descarta privatização do Banco do Brasil

A realização do novo concurso Banco do Brasil segue prevista, e pode ganhar fôlego nos próximos dias. Isso porque, no dia 22 de setembro, tomou posse o novo presidente do BB, o executivo André Brandão.

Em entrevista concedida para agência interna de notícias, foi defendido por Brandão a diversidade no quadro de funcionários do Banco do Brasil e falou sobre os rumores de privatização, entre outros assuntos.

Quer Receber Todas as Novidades do Banco do Brasil?

Receba em seu e-mail todas as movimentações do Concurso do Banco do Brasil

Em relação a privatização ou não do BB, André Brandão assumiu uma posição diferente a do ex-presidente do órgão, Rubem Novaes, que defendia a privatização.

De acordo com Brandão, esta decisão deve partir do acionista, mas que o presidente Jair Bolsonaro já falou mais de uma vez que a questão não está em pauta. Vale ressaltar, que no dia 17 de setembro, Bolsonaro voltou a descartar a possibilidade de privatizar o Banco do Brasil .

Sobre os projetos futuros, o novo presidente, conhecido principalmente por sua experiência no HSBC, destacou que a experiência do Banco do Brasil de atender mais clientes brasileiros no exterior precisa ser avaliada com mais detalhe.

Também foi afirmado pelo presidente, que deve eleger como prioridade a experiência do cliente. Sendo assim, o BB precisaria se modernizar e um novo concurso Banco do Brasil ganha força neste momento.

“Sei que isso está no contexto da diretoria, mas eu acho que, na minha administração, o que eu quero trabalhar muito é com as pessoas. O que a gente pode fazer mais? No que eu consigo ajudar os colaboradores? Como é que a gente consegue fazer um trabalho que já é magnífico no Banco do Brasil, que é a parte de treinamento?”, destacou o presidente André Brandão.

Em relação à experiência do cliente, é afirmado pelo presidente que em tempos de transformação digital, a aposta em atendimento pode gerar uma maior retenção de clientes. Entretanto, o novo presidente também não descartou a importância das agências bancárias.

“Tem uma adaptação, mas, evidentemente, tem um trabalho de avaliar localizações, e, para isso, tem que avaliar a rentabilidade das agências e tudo o mais. Mas a resposta é: a despeito dessa mudança digital, acho que tem espaço para tudo e tem espaço para a agência também”, relatou André Brandão.

Concurso Banco do Brasil está na reta final dos estudos

O próximo edital do concurso Banco do Brasil está previsto para ser divulgado ainda em 2020. No mês de agosto, a instituição afirmou que: “O BB está finalizando os estudos sobre o concurso”.

Apesar de confirmar o certame , o Banco do Brasil não concedeu detalhes sobre as oportunidades que serão ofertadas, assim como os requisitos a serem cobrados no próximo concurso.

Ao todo, estão previstas 120 vagas voltadas para a área de Tecnologia. A informação foi dada, no mês de agosto, pelo jornal Estadão.

Ainda de acordo com a reportagem, o edital deveria ser publicado no terceiro trimestre deste ano, sendo assim, até o mês de setembro. Todavia, o BB não confirma a previsão.

Já o salário dos candidatos aprovados será de cerca de R$ 3.800,00 somando benefícios. Ao que tudo indica, este será o primeiro edital do BB que não será exclusivo para a carreira de Escriturário.

Entretanto, hoje o Banco do Brasil tem carreira única para ingresso: a de Escriturário, de nível médio. Dessa maneira, a seleção poderá ser realizada de duas formas.

Uma delas será por meio de vagas para o cargo de Escriturário, exigindo nível médio e cobrando disciplinas com foco em Tecnologia da Informação. Este modelo foi aplicado no ano de 2018, mas recebeu críticas de especialistas e de candidatos. Neste caso, a remuneração é de R$ 4.036,56.

A outra alternativa seria um certame específico para a área de Tecnologia da Informação, com exigências específicas. O que parece que irá acontecer, conforme as informações da reportagem do Estadão. Porém, o Banco do Brasil não confirma as informações.

Ainda segundo informações, o concurso Banco do Brasil será feito nos moldes de um programa de trainee, com acompanhamento de gestores. Além disso, será possível escolher o local de trabalho, já que o órgão estuda manter o home office após a pandemia da Covid-19.

No entanto, ainda não se sabe, qual escolaridade será cobrada para o cargo, já que este, de acordo com a reportagem do Estadão, será o primeiro concurso para a área de TI do BB.

Entretanto, já estaria certo de que os conhecimentos no setor serão necessários, já que uma prova está sendo elaborada com foco neste conhecimento.

Saiba mais sobre o Concurso Banco do Brasil: Edital com 120 vagas será divulgado pós-pandemia!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais