Concurso PRF 2018: 10 dicas de como estudar!

icone calendario 01 mar 2018

O novo concurso público da Polícia Rodoviária Federal (PRF) está a utorizado e terá a oferta de nada menos que 500 vagas imediatas.

Já alertado pelo diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Renato Antônio Borges Dias, a possibilidade de colapso do órgão é iminente caso o governo federal não realize um novo concurso público.

De acordo com o diretor-geral, atualmente o déficit de pessoal está na casa de 2.800 policiais e, se não for realizado um concurso imediatamente, esse número poderá passar de 4.800 até o fim de 2018, devido as aposentadorias.

» Antecipe sua preparação para o Concurso PRF com materiais de qualidade em até 10x SEM JUROS! «

Autorização do concurso PRF 2018

No final de julho de 2017, o pedido foi encaminhado ao Ministério do Planejamento (MPDG) com 2.778 vagas. Enfim o concurso foi AUTORIZADO, porém o n úmero de vagas é menor, são 500 novas oportunidades para policiais, mas isso já será um acalento considerando a grande defasagem atual.

O salário inicial do Policial Rodoviário Federal é de cerca de R$ 9.931,57, mais auxílio-alimentação, de R$ 458,00. Com o reajuste aprovado pelo governo, o valor sobe para R$ 10.357,88 em 2019.

Se você planeja ser aprovado no concurso da Polícia Rodoviária Federal 2018, conheça 10 dicas de como se preparar corretamente para alcançar um ótimo desempenho na prova!

O que é necessário para concorrer?

Os requisitos para o cargo são:

– Idade entre 18 e 65 anos;
– Nível superior em qualquer área de formação;
– Carteira Nacional de Habilitação, no mínimo, categoria “B”.

Além dos requisitos acima citados, o mais importante é possuir perfil para o trabalho na área policial.

O candidato deve estar ciente que o cargo demanda dedicação aos plantões em rodovias federais e disponibilidade para se deslocar para diversas regiões do Brasil.

Lembre-se que a concorrência deve ser grande. Além de um número na casa dos milhares de inscritos, a exigência do nível superior vai qualificar os candidatos mais bem preparados!

Confira o que foi cobrado na prova do último certame:

Prova do último Concurso PRF

O último concurso foi realizado em 2013 e a avaliação dos candidatos contou com duas etapas. A primeira foi de provas objetivas, exame discursivo, teste de capacidade física, avaliação de saúde, avaliação psicológica, investigação social e análise de títulos. Já a segunda fase foi composta pelo curso de formação.

As provas objetivas foram divididas entre 50 itens de conhecimentos básicos e 70 itens conhecimentos específicos, totalizando 120 questões.

A prova de conhecimentos básicos contou com as seguintes disciplinas:

– Língua Portuguesa;
– Matemática;
– Noções de Direito Constitucional;
– Ética no serviço público;
– Noções de Informática.

Já a parte específica foi composta pelas disciplinas de:

– Noções de Direito Administrativo;
– Noções de Direito Penal;
– Noções de Direito Processual Penal;
– Legislação Especial;
– Direitos Humanos e Cidadania;
– Legislação Relativa ao DPRF;
– Física aplicada à Perícia de Acidentes Rodoviários.

# Dicas de como estudar

Se você pretende em 2018 ser servidor público da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o melhor caminho é estudar muito, acredite não há outro!

Pensando nisso, a Nova Concursos traz 10 importantes dicas que poderão te ajudar na hora dos estudos, confira!

1 – Tenha foco e objetivo! Evite ideias dispersas e busque fazer sua vida realmente girar em torno do seu sonho. Para isso concentração e foco são essenciais.

2 – Crie um cronograma de estudos eficaz e otimizado! Existem diversas metodologias para se criar um plano de estudos. O ideal é que você encontre seu próprio método. Algumas perguntas podem ajudar na hora de criar seu cronograma, são elas: Qual é o melhor horário e local para que você tenha total concentração? Quantas horas você está determinado a estudar? Qual é o número de matérias que você precisa estudar e quanto tempo resta até a data da prova? Anote suas respostas e procure adaptá-las a sua rotina. A dica para facilitar a visualização das suas metas e horários, procure criar tabelas. Elas podem ser facilmente feitas no word ou, se preferir, em uma cartolina colada na parede.

3 – Material de estudos! Na internet é possível encontrar uma grande quantidade de materiais para concursos públicos. Contudo, muitos deles estão desatualizados, o que certamente irá prejudicar sua preparação. O ideal é adquirir material de qualidade que esteja de acordo com os últimos editais publicados. Principalmente se tratando da disciplina de legislação, onde é comum haverem mudanças. A Nova Concursos possui excelentes materiais, eles são elaborados de acordo com o que foi cobrado nas últimas provas e resumem os tópicos mais importantes. Confira as apostilas acessando o nosso site!

4 – Leitura do edital anterior! Ler atentamente o edital e se familiarizar com todos os seus detalhes irá ajudar a ampliar sua visão de todo o conteúdo. No caso do concurso PRF, que o edital ainda não está disponível, a dica é estudar pelo edital do último concurso.

5 – Estude pelas provas anteriores! Estudar pelas provas dos concursos anteriores é essencial para uma boa preparação. São importantes como material de consulta, tendo em vista que as empresas que elaboram os processos de seleção mantêm uma constância nos temas abordados. Então, as provas dos 3 ou 4 últimos concursos podem ajudar bastante. No entanto, elas devem ser usadas como um complemento e não como fonte primária de estudos, pois podem haver surpresas, assim como atualizações das leis.

6 – Estude por etapas! De nada adianta querer dominar os assuntos na primeira leitura ou ainda fazer provas complexas quando você está amadurecendo nos estudos. A dica é dar um passo de cada vez e saber evoluir seus conhecimentos aos poucos.

7 – Cuidado extremo com a disciplina de Física aplicada à Perícia de Acidentes Rodoviários, principalmente, para aqueles formados em Ciências Humanas, que não estudam a matéria desde o ensino médio. Outra preocupação é a Legislação de Trânsito. A dica é estudar muito essa disciplina, saber todos os detalhes do Código de Trânsito e das normas mais importantes do Conselho Nacional de Trânsito.

8 – Ao estudar as matérias jurídicas, procure não ler resumos (encontrados na internet). A razão é que o nível de dificuldade da prova tende a ser mais alto e, portanto a preparação deve ser mais completa. A dica é recorrer a livros atualizados. Alguns Manuais de Direito podem explicar melhor a matéria, citar a jurisprudência e ser bem didáticos.

9 – Comece a estudar com antecedência! Diante do conteúdo programático do concurso PRF, os candidatos da área jurídica saem na frente na concorrência, mas os demais também têm chances. A dica é dar início aos estudos desde já. O aluno que nunca estudou Direito tem uma certa dificuldade em aprender seus conceitos e princípios. Exatamente por isso é importante buscar materiais e aulas que sejam ricos em exemplos. Assim, podem visualizar melhor toda a teoria.

10 – Autoconfiança é essencial! A desmotivação pode destruir qualquer cronograma bem feito, qualquer planejamento de estudos e ser a principal responsável pela reprovação. A dica aqui é acreditar em sua capacidade e conseguir visualizar a aprovação!

Bons estudos!

Confira mais informações acessando a página do Concurso PRF !

Nova Concursos  tem ajudado há mais de 8 anos quem quer vencer a batalha do concurso público. Se você quer aumentar as suas chances de passar, conheça os nossos materiais, acessando o nosso site!

» Antecipe sua preparação para o Concurso PRF com materiais de qualidade em até 10x SEM JUROS! «

Saiba mais sobre o Concurso PRF: Edital ofertando 2.000 vagas está previsto para ser publicado em 2020!

BAIXE GRÁTIS: Guia Definitivo Plano de Estudos Passo a Passo

Como Organizar sua Rotina, Cronograma de Rotina, Como Controlar a Ansiedade, Como estudar e fazer revisões, Técnica SMART e muito mais!

Acompanhe nossas

redes sociais